segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

Para todos os sentidos...

Minha irmã ainda morava em SP quando nos levou para conhecer
a exótica comida do
TANTRA Mongolian Grill.
Um restaurante bacanérrimo, de decoração temática à meia luz, que oferece, além de um mix afrodisíaco de temperos, carnes exóticas e opções vegetarianas; atrações diárias (como performance aérea, mulher encantadora de serpente e malabarismo com fogo), resultado da bagagem cultural do chef e proprietário do lugar.
Boa parte da cozinha do restaurante funciona no salão principal, onde se encontram dispostos em um buffet refrigerado, os ingredientes e as carnes que serão utilizados na confecção dos pratos pelo próprio cliente e mais uma mesa repleta dos mais variados temperos. Uma vez montado o prato cru, é a vez dos "chapamans" entrarem em ação para finalizarem o prato
na big-mega chapa do restaurante.
Como diz slogan do restaurante: Lá "você veste o chapéu de chef e prepara seu prato segundo seu gosto e instinto".
Não sabe por onde começar?
As receitas ficam pregadas na parede sobre o buffet para quem quiser dar uma espiadinha...
Um lugar que vale a pena conhecer.
Recomendadíssimo.

Anos depois...inspirada na cozinha do Tantra, resolvi arregaçar as mangas e testar (em casa mesmo) as combinações de ingredientes e temperos, pra ver no que dava.
Enquanto a chapa esquentava, literalmente...
Eu, com a ajuda do marido, separei várias cumbuquinhas e em cada uma delas coloquei os ingredientes picados ou fatiados e os temperos; dispus sobre a mesa, para que fossem montados os pratos conforme a imaginação mandasse.
Chapa quente, mesa organizada, utensílios a postos, hora de começar a montar os pratos.

O mais legal de tudo, é que nenhum prato sai igual ao outro (a não ser que se anote), uma vez que, dos ingredientes e temperos utilizados à quantidade desejada, vai da acordo com o momento, com a inspiração de quem faz ou do que se deseja comer.

Confesso que o meu primeiro prato saiu altamente picante (foram utilizados 4 elementos "quentes": pimenta calabresa, gengibre, curry e páprica picante), mas nada que viesse a atrapalhar o sabor marcante do resultado final. Já no segundo, peguei mais leve e fui de uma versão mais light, com menos temperos, mais legumes e apenas carne de salmão.

A graça e o prazer dessa cozinha está em criar seu próprio prato, ali, na hora, sem medos.
É escolher as combinações que melhor lhe agradam ou lhe instigam e pá-pum, provar cada delícia.

Segue a listinha de ingredientes e temperos utilizados:
- Camarão;
- Frango em cubos;
- Salmão em cubos;
- Brócolis picados;
- Repolho branco fatiado;
- Repolho roxo fatiado;
- Tomate fatiado;
- Cenoura ralada;
- Cebolinha picada;
- Cebola roxa fatiada;
- Berinjela picada;
- Gengibre ralado;
- Castanha de caju picada;
- Gergelim;
- Leite de coco;
- Vinho Branco;
- Azeite;
- Manteiga (para untar a chapa);
- Canela;
- Pimenta do Reino Branca;
- Pimenta do Reino Preta;
- Pimenta Calabresa;
- Páprica Doce;
- Páprica Picante;
- Molho de Pimenta;
- Curry

Os ingredientes

O Preparo

O Prato

A Prova


Restaurante TANTRA Mongolian Grill

Rua Amaro Cavalheiro, 168 - Pinheiros

Tels.: (11) 3846-71 12 e 3842-8874

http://www.tantrarestaurante.com.br/